Guia Punta del Este no Uruguai

Guia Punta del Este no Uruguai

Eu achava que Punta seria aquela super ostentação. No fim das contas acabei achando a cidade mais prazerosa do que imaginava. Separei algumas dicas da minha viagem pra lá pra ajudar você no seu planejamento.

Quando ir

Punta venta muito e fica bem frio quando não é verão. Eu fui em fevereiro e, mesmo assim, peguei uns dias malucos de muito vento e pude sentir como deve ser o inverno. O vento te carrega – barcos estavam tombados no píer no dia seguinte. Mas nos dias de sol, haja chapéu e muito protetor solar.

Eu iria em qualquer época do ano para Punta já que não ligo muito pra praia. Mas o verão (mesma época do Brasil) é mais agitado e ensolarado.

Quanto tempo você precisa

Se você só quer conhecer mesmo Punta e não está preocupado em ficar curtindo praia, acredito que três dias sejam suficientes para ver as atrações mais importantes com calma.

Como chegar

Eu fui de Montevideo para Punta de ônibus. Peguei um ônibus no aeroporto da empresa COT que sai de hora em hora. É uma viagem de duas horas super tranquila. A maioria das pessoas do ônibus também é turista.

Sei que existem alguns voos de Buenos Aires para Punta. Mas se você está só visitando o Uruguai, acho o ônibus a melhor opção.

Dá para alugar um carro também, mas é uma opção mais cara e que talvez não compense.

punta del este amanda viaja

Onde se hospedar

Esta é a parte mais difícil de fazer alguma recomendação para você. Eu não me dei muito bem com os hotéis. Como fui em alta temporada (início de fevereiro) e meu namorado precisava ficar próximo ao hotel Conrad, não havia muitas opções – tudo estava lotado. Então, ele reservou um hotel MUITO RUIM chamado Aquarium (fujam dele) que não era nem bem localizado e nem limpo. Conseguimos trocar para um hotel do mesmo grupo, próximo ao Conrad, chamado La Foret. Como não havia disponibilidade para todos os dias que eu iria ficar, tivemos que mudar para um outro hotel, bem ao lado do Conrad e de frente para a praia, chamado Sunset Beach.

Os hotéis lá são muito caros para a qualidade. A relação custo/benefício é baixíssima. Por isso, minha maior recomendação é alugar um apto no Airbnb, principalmente se você for com uma turma.

Qual moeda levar

Em Punta você consegue utilizar pesos uruguaios, dólares e muitos lugares (não todos) aceitam reais. Eu levei dólares e reais e os trocos voltam sempre em pesos, portanto não me preocuparia em levá-los.

Mas a boa notícia do Uruguai é que em restaurantes, pagando com cartão de crédito, você ganha o desconto do imposto IVA por ser estrangeiro. É uma política adotada pelo país para o incentivo do turismo. Em todas as notinhas, o valor do desconto do IVA aparece descriminado e assim, o dinheiro vai aparecer na sua fatura depois.

E se você pagar com dinheiro? Não tem desconto.

Aliás, vamos falar sobre esses benefícios:

Benefícios especiais para turistas não-residentes

Você pode consultar o site oficial de turismo do Uruguai para entender melhor:

http://turismo.gub.uy/index.php/pr/beneficios-especiais

Mas até 21/04/2017 esses descontos estão valendo:

desconto IVA

iva 2

Onde comer em Punta

Veja este post que eu fiz com todos os restaurantes que fui e gostei em Punta e região.

Como se locomover em Punta

Punta não é um lugar fácil de se locomover a pé. Algumas coisas podem ser próximas do seu hotel, mas grandes atrações ficam longe, como a Casa Pueblo, por exemplo, praias, restaurantes.

Eu recomendo fortemente ficar bem localizado em Punta e fazer as coisas a pé e alugar o carro por um dia para visitar as atrações mais distantes que você queira vez.

Aqui algumas opções:

Táxi

Parece ser o mais comum, mas é bem caro. Até a esquina já dá uns R$20, então algo que pode compensar bastante é alugar um carro se você pretende se deslocar para vários lugares num dia só. Na Avis, o aluguel de carro para um dia sai por US$84 com todos os seguros inclusos (considere que desse valor será descontado o IVA de 18,5%, ou seja, vai ficar mais barato). Eu aluguei duas vezes lá: um dia para fazer diversas atrações por Punta que precisavam de carro e outro para seguir viagem até Cabo Polônio.

Bicicleta

Alguns hotéis alugam ou emprestam bikes. Mas na região central de Punta você encontra as famosas bikes do Itaú. Tinha muita gente utilizando bike por lá.

Aluguel de Vespa/Scooter

É a minha opção preferida já que é mais emocionante. Porém, ventava muito em Punta e o tempo não estava bom o tempo todo. Por isso não escolhi essa opção. Ela pode sair um pouco mais caro que o carro também. Para ficar com a scooter por 24 horas na Thrifty o valor era de US$90 (considere que desse valor será descontado o IVA de 18,5%, ou seja, vai ficar mais barato).

punta del este amanda viaja

O que fazer em Punta?

Os uruguaios gostam de tostar no sol e na praia. Eu não. E o que eu achei mais legal em Punta, é que existem coisas para você fazer além de ficar tomando sol na praia. Aqui algumas opções pra você:

Tentar uma foto com Los Dedos

É o cartão postal de Punta, portanto está sempre lotado com ônibus de tours chegando.

amanda viaja punta del este

Casapueblo

Outro cartão postal de Punta e passagem obrigatória, é a antiga casa e atelier do famoso artista Uruguaio Carlos Páez Villaró. Lá há um café, restaurante e também um hotel para se hospedar. Mas você pode apenas visitar a casa, principalmente ao pôr do sol para a vista linda. A Casapueblo fica um pouco distante de Punta de Leste, em torno de 15km num local chamado Punta Ballena. Então você precisa ir de carro ou táxi (opção mais cara).

punta del leste amanda viaja

Pôr do sol

É uma grande atração de Punta. Já ouvi muita gente dizendo que foi o pôr do sol mais lindo que viu na vida. Não é difícil você perdê-lo por lá. Casapueblo é um bom lugar para admirar ou se você preferir um pouquinho de agito, na praia em frente ao Conrad existe um bar chamado Ovo (extensão da balada do casino), onde você pode sentar num sofá e pedir um drink enquanto admira a paisagem.

punta del este

Na praia

É a atração principal de Punta, já que estamos falando de um Balneário. Na praia você vê Banana Boat, aluguel de jet ski, stand up paddle (apesar de ventar muito), aluguel de caiaque e passeios de barco. Não falta diversão para quem gosta. Não são as praias mais lindas que você viu na vida, mas tem uma estrutura bem bacana.

Comer Waffle no L´Auberge

Você vai lá para comer um waffle à tarde, mas se depara com um lugarzinho fofo e lindo. Longe da ostentação e agito de Punta. Dizem que é o melhor waffle de chocolate do mundo. Mas eu achei que o lugar vai além do waffle. Aproveite para ir num dia nublado ou mais frio; mas é possível que tenha uma filinha de espera.

punta del este amanda viaja

punta del este amanda viaja

Visitar a Vinícola Garzón

Eu não fiz esse passeio, mas fiquei morrendo de vontade. É uma opção diferente das praias de Punta e muito agradável para quem gosta de vinho. Conversei com pessoas que foram e gostaram bastante.

Conhecer José Ignacio

É uma delícia de lugar. Parece deserto, mas aí você vai para um restaurante pé na areia e descobre que não está só. Primeiro eu peguei um carro para almoçar lá um dia. Mas gostei tanto do lugar que voltei para ficar mais dois dias. Paisagem bucólica, restaurantes maravilhosos e lugar ideal para relaxar.

Se divertir no Conrad Hotel & Casino

O Conrad é uma ótima opção para você visitar à noite e se divertir no casino. Fica bem agitado! Há três restaurantes por ali: um bar/lanchonete dentro do casino, um japonês, um tradicional e uma balada chamada Ovo. Recomendo a passagem por lá.

punta del este Amanda Viaja

Subir no Restaurante Giratório

Isso foi algo que eu pensei em fazer, mas acabei desistindo por achar que talvez não valesse a pena pela vista. Você pode simplesmente subir no prédio para admirar a vista (R$29, vá no pôr do sol), ou pode jantar no restaurante. Geralmente a comida desses lugares não é tão boa pelo preço que se paga, mas se você tiver interesse na vista, pode ser uma boa opção.

Centrinho agitado

O centrinho de Punta fica bem agitado à noite, com diversos restaurantes, bares e lojinhas. É gostoso dar uma andada por lá se você não tiver outra programação.

Você também pode acompanhar essa viagem  Instagram através de #AmandaViajaUruguai

7 Comments

  1. Oi Amanda! Passei por punta no inverno, e não gostei!!! A cidade estava deserta, o tempo fechado, a praia que não é a mais linda, fica ainda pior rs. E o mais triste, muitos restaurantes e estabelecimentos fechados, não consegui comer o churros 🙁 🙁 🙁 Acho que Uruguay é um lugar melhor para se conhecer no verão.

  2. Olá!
    Fiz uma viagem de carro até buenos aires e fiquei só um dia em punta, uma pena pois queria ter ficado muito mais. Passei lá do dia 23 p/ o 24/12/14. Fiquei no Hotel Dollar, um dos mais baratos e não tenho o que reclamar (além da falta de box no banheiro, mas isso é recorrente no uruguai e argentina). Estava de carro, mas tive a sensação que não ficava muito longe da praia não, muito charmoso e organizado, o café era ótimo e a dona super atenciosa. O dia e noite que passei lá estava super tranquilo, pouca gente e tudo muito limpo e organizado. Adorei demais a península e quero muito voltar um dia. Indico também conhecer cabo polônio, estava no meu caminho, mas também tem ônibus q sai de punta para lá.

  3. Eu fui ano passado e fiquei no El Viajero Brava Beach. Não foi baratinho mas incluía café-da-manhã. Acho que paguei uns 300 e pouco por 2 diárias (foi bem no sábado de carnaval, vale dizer). É super bem localizado, limpinho, cofortável e tem uma vibe ótima.

  4. Oi Amanda!!!!
    Estou planejando uma viagem para o Uruguai e, como sempre, seu blog é um dos meus primeiros pontos de partida. Queria saber onde fica o lugar da primeira foto deste post.
    Como sempre… parabéns pelos guias!
    🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*