Viajar sozinha para a Ilha de Páscoa

Viajar sozinha para a Ilha de Páscoa

Eu comprei minha passagem para a Ilha de Páscoa completamente no impulso um mês antes da viagem e fui sozinha. A ilha é um dos lugares mais isolados do mundo, com menos de seis mil habitantes. Na maior parte da ilha você não encontra ninguém, só alguns cavalos selvagens,

Mas eu me senti sozinha? Não.

A bagagem de viagens sozinha conta. Mas se você se dispôs a ir para um lugar inóspito como a Ilha de Páscoa, é sinal de que você sabe para onde está indo. Não é lugar para festas ou para conhecer gente nova. É um lugar para conhecer história, se curtir e descansar.

Você vai passar a maior parte do dia explorando a ilha. Se for com um agência de viagem, vai acompanhada de outras pessoas. Se alugar um carro, estará sozinha o tempo todo. Fiz os dois e gosto mais do carro.

O centrinho da cidade é mais movimentado e alguns pontos com moais também. Na praia de Anakena sempre tem alguém tomando um sol. Mas não espere muita interação.

É difícil você cair na bad de estar sozinha naquele lugar. Lá não é romântico e nem é cheio de gente alegre curtindo as coisas em grupo a ponto de você pensar “também quero fazer parte”. É como eu disse: é um lugar para se curtir e conhecer a história.

Eu também não tenho o menor problema em almoçar e jantar sozinha. Espero que você também não tenha porque provavelmente é isso que vai acontecer.

ilha de pascoa amanda viaja

Segurança

A ilha é muito segura. Perguntando aos guias sobre o assunto, eles contaram que os crimes que acontecem são geralmente entre pessoas que se conhecem e por algum problema pessoal. Seria difícil algo acontecer na ilha e ninguém ficar sabendo.

Eu me senti bem segura por qualquer lugar onde passei. O serviço é ótimo, os locais dependem do turismo então acho que existe uma conscientização de educação e segurança. De qualquer forma, tomar os cuidados básicos é sempre necessário.

Se o meu carro quebrasse no meio da ilha, eu estaria fudida. Não tem internet, talvez ninguém passasse por aquele caminho tão cedo, enfim. Mas não seria um perrengue fatal. Seria um perrengue de viagem como qualquer outro.

Meu conselho final é: vá. Super tranquilo, seguro e um bom lugar para curtir a sua própria companhia em paz.

Amanda viajou a Ilha de Páscoa a convite da agência Venturas Viagens e do Hotel Hangaroa. Veja a viagem pelo instagram através de #AmandaViajaChile

ilha de pascoa amanda viaja

4 Comments

  1. Suas fotos são lindas é me encoraja a querer viajar, mais como vc faz para conseguir essas imagens se vc viaja sozinha?

  2. Não tem nenhuma internet na ilha? nem se ativar o roaming internacional do celular? wi-fi? nada?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*