Indenização: o que fazer em caso de atraso de voo ou cancelamento

A gente nunca sabe o que fazer diante de uma situação de atraso de voo ou voo cancelado pela companhia aérea. Em outras situações como extravio da bagagem ou overbooking, a maioria das pessoas acha até que não tem direito nenhum. E quando sabe que tem direito, não sabe como correr atrás deles – começa por onde? vai falar com quem?

Por isso hoje eu queria apresentar pra vocês a LiberFly, uma empresa que eu conheci há um tempo e que nos traz soluções para esses casos.

Achei muito legal ver como o trabalho deles é sério e nos auxilia quando não sabemos o que fazer, quais são os nossos direitos e como correr atrás das indenizações.

Como eles trabalham: fazendo a ponte com a companhia aérea em caso de infrações mediando um acordo de indenização se você tiver sido prejudicado. Eles são responsáveis por toda a burocracia para resolver seu problema de forma ágil e transparente.

Veja em quais casos a Liberfly pode te ajudar:

  • atraso de voo
  • voo cancelado
  • extravio e dano de bagagem
  • overbooking
  • no-show
  • se você comprou classe executiva mas viajou de econômica

 

Quais são os seus direitos em caso de atraso de voo ou voo cancelado

A gente sabe que tem direitos mas fica confuso com tanta mudança, não sabendo como agir na hora que acontece um problema desses. Mas vamos lá…

Segundo a ANAC e o site dos direitos do consumidor, a companhia aérea deve fornecer gratuitamente assistência material ao passageiro a partir do momento que houver o atraso, cancelamento ou preterição de embarque da seguinte forma:

  • A partir de 1 hora: comunicação (internet, telefone etc).
  • A partir de 2 horas: alimentação (voucher, refeição, lanche etc).
  • A partir de 4 horas: hospedagem (somente em caso de pernoite no aeroporto) e transporte de ida e volta.
  • Atrasos superiores a 4 horas, cancelamentos, interrupção de voos ou preterição de passageiros (este último é quando rola overbooking) a companhia aérea deve oferecer ao passageiro as seguintes opções: reacomodação em voo próprio ou de outra companhia aérea, reembolso integral ou execução do serviço por outro meio de transporte. A escolha é sempre do passageiro, ou seja, sua.

Reforçando: a fonte dessas informações é a ANAC, que é a agência federal responsável pela atividade de aviação civil no nosso país.

Veja aqui a matéria sobre voo atrasado no site deles

Como pedir indenização contra a companhia aérea

Pela Liberfly é muito fácil. É só você entrar no site deles e registrar no formulário disponível o seu atraso, cancelamento, problemas com sua bagagem, perda de conexão e demais situações.

Eles vão analisar o seu caso e, caso seja aprovado, você pode ganhar R$1000 em menos de 48 horas através de uma negociação expressa. Alguns casos necessitam de uma análise mais profunda e aí pode demorar mais tempo.

Agora caso você não aceite os R$1000 de indenização em 48 horas, a LiberFly pode te ajudar a conseguir um valor maior (geralmente entre R$2000 a R$6000). Mas é bom saber que essas negociações podem levar um tempo mais longo, de cerca de 6 meses sendo cobrado 30% de taxa de serviço (negociação tradicional).

A melhor parte: você não precisa apresentar papeladas impossíveis, nem fazer nada pessoalmente – é sem burocracia. Toda consultoria é gratuita. É só você registrar as reclamações que aconteceram nos últimos 5 anos.

Quais documentos você vai precisar para a indenização

Essa é uma dica para a vida: sempre que houver um atraso de voo, voo cancelado ou qualquer outro problema como os citados acima, é importante que você guarde todas as notinhas e “papéis” possíveis para ajudar nas provas a favor do seu caso. 

A LiberFly pede que você tenha os seguintes documentos e comprovantes no caso de voos atrasados ou cancelados:

  • Carta de contingência do motivo do cancelamento/atraso;
  • Tirar fotos dos painéis do aeroporto constando o cancelamento/atraso e as falhas das companhias aéreas;
  • Tirar fotos das passagens antigas, e das passagens novas;
  • Caso houver algum gasto extra, sempre guardar as notinhas fiscais.

Passo-a-passo para receber a indenização de voo pela LiberFly

  1. Seu voo foi cancelado. Você pode entrar em contato com a LiberFly tanto pelo instagram (@liberflybr) como direto no site (liberfly.com.br) para preencher o formulário detalhando o ocorrido. 
  2. A LiberFly recebe automaticamente a reclamação e já entra em contato com você no prazo de 48 horas para solicitar seus documentos pessoais e documentos relativos ao voo (eles facilitam tanto que você pode enviar os documentos até pelo whatsapp!)
  3. Depois do envio dos documentos, eles serão analisados e a LiberFly entra em contato direto com as companhias aéreas solicitando uma negociação.
  4. Quando houver o pagamento da companhia aérea, você recebe sua indenização.

 

Depois de quanto tempo eu posso pedir indenização por mudança ou cancelamento de voo?

Essa é a notícia boa! Pela LiberFly você pode registrar reclamações dos últimos 5 anos que eles vão te ajudar com a indenização. Por isso que a dica sobre guardar todos os seus registros e comprovantes que eu citei acima é tão importante. Mesmo depois de passado tanto tempo, fica mais fácil pedir a indenização.

Vale para quem mora fora do Brasil?

Além do Brasil, a Liberfly atua também nos voos de todos os países da Europa. Portanto ela consegue te ajudar não só nos voos com partida e chegada no Brasil, mas também em voos internacionais europeus.

Ela também consegue te ajudar se no caso você tinha, por exemplo, um voo que era Brasil – EUA – Canadá e teve um problema com o trecho EUA – Canadá. Mesma coisa com Oceania.

Na Ásia e na África eles também conseguem te ajudar desde que os voos sejam com chegada ou partida do Brasil (ou seja, só não conseguem no caso de voos internos nesses dois continentes).

Mais sobre a LiberFly 

Se você ainda estiver na dúvida sobre o trabalho da LiberFly, pode conferir algumas das matérias da empresa nas principais mídias do Brasil:

Exame

O Globo

Terra

Outras informações você também encontra no site e no instagram da Liberfly:

Site: liberfly.com.br

Instagram: @liberfly

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.